O Jornal

Quem Somos

Desde 1974

Periódico bissemanal faz história há quatro décadas e meia e se consolida atualmente como o único com sede no município.

A data 29 de julho é um marco para o município e também para o O Jornal. Há 47 anos, no mesmo dia do aniversário do município, Concórdia viu nascer o O Jornal, periódico que surgiu dos ideais de um grupo de empresários e profissionais que tinham um interesse em comum: levar informação com qualidade e credibilidade às pessoas do município e região.

A primeira edição circulou em 29 de julho de 1974, impresso em Concórdia sob a coordenação do fundador, Hélio Bruneto. Com o passar dos anos, teve alterações no comando, sendo administrado pela Fundação Rádio Rural, posterior a Fundação Attilio Fontana, depois retornou para a Rádio Rural, e passou as mãos de um grupo de oito empresários do ramo da comunicação.

Naquela época, a conexão entre a Sadia S.A e a Fundação Rádio Rural foram fundamentais para que o processo se fortalecesse. O meio de comunicação, que sucedeu muitos outros, instigou os concordienses a vislumbrar além dos fatos. Semanalmente O Jornal levava à casa dos concordienses informações na forma física, de papel, para imortalizar os fatos.

Assim, Concórdia passou a ter sua história registrada em O Jornal. As conquistas, o desenvolvimento, o progresso do município e região tinha um endereço físico, que ganhou ainda mais credibilidade com o passar dos anos.

Foram inúmeros profissionais que deixaram sua marca na trajetória do maior periódico em circulação no Alto Uruguai Catarinense, atualmente sob o comando de um único dono, o ex-radialista esportivo da Rádio Rural, e atual diretor do periódico, Gildo Vezaro.

Redação

A redação de O Jornal é o ambiente onde os jornalistas fazem toda a produção das matérias, edição e correção.

A atual equipe de O Jornal é composta por três jornalistas que atuam diretamente junto ao periódico: editora-chefe e dois repórteres que cobrem os principais fatos de Concórdia e região. Há ainda três correspondentes, uma na área de esporte, outra que cobre a região do Vale da Produção e a terceira que acompanha os bastidores da Educação e Cultura. Estas por sua vez, são terceirizadas.

O Jornal conta ainda com uma equipe de colunistas que se reveza na apresentação dos conteúdos.

Impressão

O Jornal conta atualmente com 13 profissionais, entre administradores, jornalistas, Recursos Humanos, vendedores e arte finalista. Todo o processo é feito na sede do periódico, na Travessa Júlio Moritz, bairro Nações, desde a produção das notícias até a impressão do Jornal.

O impulso para a autonomia própria veio há 15 anos, com a aquisição do parque gráfico, com tecnologia importada especial para impressão de jornais.

Abrangência